ciberduvidas Ter dúvidas é saber. Não hesite em nos enviar as suas perguntas. Os nossos especialistas e consultores responder-lhe-ão o mais depressa possível.

[Abertura]

Sobre o Acordo Ortográfico
nas escolas portuguesas

1. Como já foi anunciado, o Acordo Ortográfico de 1990 vai ser aplicado nas escolas portuguesas a partir de Setembro de 2011, o mês que iniciará o próximo ano lectivo (2011/2012). Quanto aos manuais escolares, fica este  esclarecimento suplementar, divulgado no Portal da Educação, do Ministério da Educação português:

«Os manuais escolares utilizarão progressivamente a nova ortografia, seguindo o ritmo das novas adopções ou quando um manual já adoptado tenha de ser reimpresso durante o seu período de vigência. Assim, os novos manuais a adoptar para 2011/2012 já estarão de acordo com a nova ortografia, que, até 2014, será utilizada em todos os novos manuais adoptados.»

Durante o segundo período do presente ano lectivo, ficarão acessíveis no Portal da Educação informações úteis sobre o uso da nova ortografia e sugestões para a sua aplicação em sala de aula. Serão, ainda, disponibilizados materiais e instrumentos para o esclarecimento de dúvidas dos professores. Os exames nacionais e as provas de aferição serão, por sua vez, objecto de orientações do Gabinete de Avaliação Educacional (GAVE), em devido tempo.

Como fonte de referência para conhecimento do texto do Acordo de 90, assim como para a consulta do Vocabulário Ortográfico Português e do conversor Lince (adoptados oficialmente pelo Governo de Lisboa), recomenda o Portal da Língua Portuguesa, do ILTEC (Instituto de Linguística Teórica e Computacional).

2. Adoptar a pronúncia inglesa para uma palavra latina, a nossa língua-mãe, distorce e anula o valor genuíno da palavra original. Para além de ser uma manifestação de ignorância. É o caso de mobile, termo ligado aos telemóveis, tratado num texto esclarecedor, de Maria João Matos, em linha desde esta data na rubrica Pelourinho.

3. A sintaxe, a semântica, a fonética  e a morfologia são as áreas que sobressaem na actualização do Consultório, em que o emprego de alguns verbos (afigurar, inerciar e inertizar), o valor de certas palavras (acepções de recorrente) em traduções (frente-a-frente), a origem e o significado de outras (Azagães), a pronúncia de termos de origem estrangeira (byte), a classificação de certas palavras (o pronome quem) e  casos invulgares de plural (guardião e temporão), assim como os deícticos num poema de O’Neill são temas das respostas deste dia.

Ciberdúvidas da Língua Portuguesa :: 14/12/2010

[Aberturas]
Ciberdúvidas regressa no dia 10 de junho com novo visual gráfico
Um Ciberdúvidas com cara nova
Para desfazer confusões sobre a nova ortografia
O português no espaço digital
Em português, sempre
«Acordo Ortográfico bem encaminhado»
Brasileirismos, calão e pronúncia
O regresso do «tu-cá-tu-lá do português de Angola», com os Mambos da Língua
Uma língua pluricêntrica e multicultural
Encontros e desencontros da nova ortografia

Mostra todos

Ciber Escola Ciber Cursos