ciberduvidas Ter dúvidas é saber. Não hesite em nos enviar as suas perguntas. Os nossos especialistas e consultores responder-lhe-ão o mais depressa possível.

[Abertura]

Erros e palavras pitorescas

A comunicação social, na diversidade dos seus estilos e canais, é um inesgotável manancial de desvios linguísticos, mas também de interessantíssimos exemplos de reinvenção vocabular. Num programa de rádio em direto, calha dizer-se pleonasticamente que uma coligação «implode por dentro», quando o correto é simplesmente «implode»; e, num jornal, só o descuido explica uma frase absurda como «ontem não "podemos" jogar», em vez de «ontem não pudemos jogar». Tais são os erros abordados por Paulo J. S. Barata em dois breves artigos disponíveis no Pelourinho.

Todavia, as notícias surpreendem igualmente com usos expressivos, típicos do estilo coloquial ou familiar. Em Portugal, é o caso de um comentário do ex-presidente da República Mário Soares, que, a propósito de uma decisão "irrevogável" do ministro Paulo Portas, que depois não o foi, lhe aplicou o pitoresco vocábulo salta-pocinhas, ou seja, entre várias aceções, «o que muda de situação muito facilmente» (Artur Bivar, Dicionário Geral e Analógico da Língua Portuguesa, 1952) ou «criança irrequieta, que anda sempre de um lado para o outro» (dicionário da Academia das Ciências de Lisboa, 2001).

Apesar de analisável como composto morfossintático, formado por salta, do verbo saltar, e pocinhas, diminutivo plural de poça, «cova pouco funda, com água», vale a pena citar a nota etimológica que o Dicionário Houaiss dedica a esta palavra:

«[M]algrado as diferenças semânticas, tudo leva a crer tratar-se de decalque do francês saute-ruisseau (1796) ´ajudante de advogado, de cartório`; (1832) ´menino de recados, contínuo, estafeta`, de saute- de sauter ´saltar` + ruisseau ´riacho` (< latim vulgar *rivuscellus, diminutivo de rivus ´rio`, literalmente ´salta-riacho`).»

Como sempre, todos os conteúdos aqui em linha podem ser consultados no Facebook.


O consultório faz uma pausa até setembro, não só porque é sua tradição na época estival mas também para proceder a algumas alterações estruturais que permitam enfrentar as dificuldades técnicas e financeiras sentidas nos últimos meses. Podemos assim anunciar que o Ciberdúvidas vai em breve voltar à anterior plataforma, muito embora se mantenha na medida do possível o novo aspeto gráfico adquirido em 23 de janeiro de 2013.

Entretanto, para outros assuntos que não digam respeito a dúvidas sobre a língua portuguesa, poderão os nossos consulentes usar os contactos indicados nesta página.


Está a decorrer o período de candidaturas à 3.ª edição do curso de Aprendizagem e Ensino de Português Língua Não Materna. Trata-se de um curso de curta duração, que funciona integralmente em regime de e-learning na plataforma de ensino à distância da Universidade de Coimbra (candidaturas ou pedidos de informação aqui).


Fique a saber como pode ajudar o Ciberdúvidas a prosseguir na missão de promover a língua portuguesa e aprofundar o conhecimento dos seus usos e normas, clicando no botão «Faça aqui o seu donativo» (nesta página, em cima, à direita; mais informações aqui). Os nossos agradecimentos.

Ciberdúvidas da Língua Portuguesa :: 10/07/2013

[Aberturas]
Ciberdúvidas regressa no dia 10 de junho com novo visual gráfico
Um Ciberdúvidas com cara nova
Para desfazer confusões sobre a nova ortografia
O português no espaço digital
Em português, sempre
«Acordo Ortográfico bem encaminhado»
Brasileirismos, calão e pronúncia
O regresso do «tu-cá-tu-lá do português de Angola», com os Mambos da Língua
Uma língua pluricêntrica e multicultural
Encontros e desencontros da nova ortografia

Mostra todos

Ciber Escola Ciber Cursos