ciberduvidas Ter dúvidas é saber. Não hesite em nos enviar as suas perguntas. Os nossos especialistas e consultores responder-lhe-ão o mais depressa possível.

[Abertura]

Plataforma do Vocabulário Ortográfico Comum já está em linha

A plataforma do Vocabulário Ortográfico Comum da Língua Portuguesa (VOC) pode ser consultada em linha a partir deste dia. Trata-se da primeira parte do processo de construção do VOC que, além de fazer a junção dos vocabulários ortográficos nacionais (VON) do Brasil e Portugal produzidos nos últimos anos, integra de forma inédita os primeiros dados de Moçambique e Timor-Leste que constituem os respetivos VON. Como se pode ler na apresentação da própria plataforma, a partir do modelo agora apresentado vai ser desenvolvida a segunda parte da construção do VOC, que «será entregue na cimeira de chefes de Estado da CPLP, a realizar em Díli em [julho de] 2014, e integrará os VON prontos à data, previsivelmente seis, com a adição aos quatro agora integrados dos VON de Cabo Verde e de São Tomé e Príncipe, em fase adiantada de execução». Instrumento de importância estratégica para a definição conjunta da ortografia  nos oito países que têm o português como idioma oficial, o VOC, coordenado pelo Instituto Internacional da Língua Portuguesa (IILP), abrange já nesta fase perto de 250 000 palavras. Sublinhe-se ainda que o VOC conta com a participação de especialistas que os Estados-membros nomearam oficialmente para discutirem entre si os critérios de aplicação do Acordo Ortográfico (AO). Mais informação aqui e aqui.

Assinale-se, entretanto, que, na 9.ª reunião do Conselho Científico do IILP, realizada em 12 e 13 de maio de 2014 na cidade da Praia (Cabo Verde), foram entregues formalmente os VON de Moçambique e Timor-Leste pelos representantes dos respetivos governos, Lourenço do Rosário, presidente do Fundo Bibliográfico do Português, e Crisódio Araújo, do Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação de Timor-Leste.


  Realizado pela Rádio Nacional de Angola, com a colaboração do Ciberdúvidas da Língua Portuguesa, o programa Mambos da Língua – o tu-cá-tu-lá do português de Angola é uma série de apontamentos semanais que esclarecem dúvidas sobre o português falado em Angola. Novos episódios: a pronúncia de ilegal (30.º episódio); bem-vindo e Benvindo (31.º episódio).


 Na rubrica Acordo Ortográfico – Controvérsias, dois textos do Brasil sobre a polémica à volta de um projeto acolhido pelo Senado, com o intuito de simplificar radicalmente o Acordo Ortográfico de 1990: o historiador Jaime Pinsky considera a proposta impraticável; a Associação Brasileira de Editoras Universitárias manifesta-se contra a iniciativa. No consultório, as novas respostas centram-se em tópicos relacionados com a pronúncia, a construção de palavras, a concordância e a complementação verbal.


 Na Ciberescola da Língua Portuguesa e nos Cibercursos, professores e alunos encontram materiais para o ensino e a aprendizagem do Português (língua materna e não materna). Para mais informação, incluindo cursos individuais para estudantes estrangeiros (Portuguese as a Foreign Language), consultar a rubrica Ensino.


 Com SOS Ciberdúvidas, procuramos a viabilização deste serviço gracioso e sem fins lucrativos, que visa esclarecer, divulgar e debater temas da língua portuguesa em todas as suas variedades. Um obrigado pelos contributos que entenderem enviar-nos.

Ciberdúvidas da Língua Portuguesa :: 12/05/2014

[Aberturas]
Ciberdúvidas regressa no dia 10 de junho com novo visual gráfico
Um Ciberdúvidas com cara nova
Para desfazer confusões sobre a nova ortografia
O português no espaço digital
Em português, sempre
«Acordo Ortográfico bem encaminhado»
Brasileirismos, calão e pronúncia
O regresso do «tu-cá-tu-lá do português de Angola», com os Mambos da Língua
Uma língua pluricêntrica e multicultural
Encontros e desencontros da nova ortografia

Mostra todos

Ciber Escola Ciber Cursos