ciberduvidas Ter dúvidas é saber. Não hesite em nos enviar as suas perguntas. Os nossos especialistas e consultores responder-lhe-ão o mais depressa possível.

[Abertura]

Cartune e cartunista

Os acontecimentos trágicos ocorridos em França, entre 7 e 9 de janeiro deste novo ano de 2015, obrigaram a comunicação social portuguesa a fazer referência ao género mediático a que se dedicava boa parte das vítimas do jornal Charlie Hebdo. Nota-se ainda grande apego ao termo inglês cartoon, apesar de existirem já adaptações ao português; relembremo-las: cartune e, no Brasil, cartum (cf. Dicionário Houaiss). Observe-se igualmente que a designação "cartoonista" é muito discutível – para não dizer mesmo incorreta –, porque, no português, as palavras derivadas de empréstimos que são substantivos comuns não conservam as grafias características das línguas de origem. Por isso, recomenda-se cartunista.


Em português – justifica-se por isso aqui o devido registo –, foi a opção do futebolista Cristiano Ronaldo1 nas palavras que proferiu ao ser-lhe atribuído o galardão Bola de Ouro 2014, na cerimónia oficial realizada em Zurique. Como, de resto, já o fizera  na edição de 2013 – numa repetição exemplar para tantos outros que, com bem maiores responsabilidades políticas, não cuidam em discursar no idioma nacional em situações similares.

 1 /Runaldo/ – e não /Rônaldo/, nem /Rónaldo/, como erroneamente se voltou a ouvir aqui e ali na televisão e rádios portuguesas.


 No consultório – com próxima atualização no dia 15, que assinala precisamente os 18 anos de existência do Ciberdúvidas da Lingua Portuguesa – evoca-se o deus do vinho, na tradição romana também conhecido como Baco, a propósito do nome que lhe davam os Gregos antigos: Dioniso ou Dionísio, qual a forma mais correta? E que significados se podem atribuir à palavra relé? Finalmente, que tempo verbal se deve empregar na apresentação de uma tese?


 As plataformas Ciberescola da Língua Portuguesa e Cibercursos desenvolvem projetos no ensino público, de apoio à aprendizagem do português (língua materna e não materna), além de darem acesso a recursos didáticos e organizarem cursos individuais para estudantes estrangeiros (Portuguese as a Foreign Language). Mais informação no Facebook e na rubrica Ensino.


O apelo SOS Ciberdúvidas dirige-se a quantos reconhecem a relevância do serviço prestado neste espaço ao mesmo tempo de divulgação,  esclarecimento e debate à volta da língua portuguesa em toda a sua diversidade histórica e geográfica.

Ciberdúvidas da Língua Portuguesa :: 12/01/2015

[Aberturas]
Ciberdúvidas regressa no dia 10 de junho com novo visual gráfico
Um Ciberdúvidas com cara nova
Para desfazer confusões sobre a nova ortografia
O português no espaço digital
Em português, sempre
«Acordo Ortográfico bem encaminhado»
Brasileirismos, calão e pronúncia
O regresso do «tu-cá-tu-lá do português de Angola», com os Mambos da Língua
Uma língua pluricêntrica e multicultural
Encontros e desencontros da nova ortografia

Mostra todos

Ciber Escola Ciber Cursos