ciberduvidas Ter dúvidas é saber. Não hesite em nos enviar as suas perguntas. Os nossos especialistas e consultores responder-lhe-ão o mais depressa possível.

[Acordo Ortográfico] - Notícias

Marisa Mendonça, diretora-executiva do IILP
«Acordo ortográfico não está em causa em nenhum país da CPLP» *

Lusa

Notícia da agência de notícias Lusa, de 26/05/2015, em despacho do seu correspondente Cidade da Praia (Cabo Verde), em que se alude, ainda, à introdução do português na Guiné Equatorial, assim como aos problemas de financiamento do organismo que, no âmbito da CPLP, tem estado a coordenar os trabalhos do Vocabulário Ortográfico Comum da Língua Portuguesa.

 

 

O Acordo ortográfico não está em causa em nenhum dos países lusófonos, garantiu hoje a diretora executiva do Instituto Internacional de Língua Portuguesa (IILP), lembrando que cada país tem ritmos e recursos diferentes.

«Em nenhum dos países está em causa o Acordo Ortográfico. O que é diferente é o processo, as estratégias e os tempos que se prevê para a implementação plena das novas regras», esclareceu Marisa Mendonça, que falava aos jornalistas, na Cidade da Praia, no âmbito da X Reunião Ordinária do Conselho Científico do IILP.

Segundo a diretora do IILP, em Portugal e no Brasil a implementação é «praticamente plena», apesar de ainda haver uma discussão que compete às autoridades desses países dirigirem.

Cabo Verde, lembrou, está no processo de implementação, em Moçambique o documento já passou no Conselho de Ministros e aguarda homologação pela Assembleia da República, enquanto em Angola está em fase de discussão.

«Os países têm ritmos diferentes, têm direito a ter ritmos diferentes, também porque têm recursos diferentes», considerou Marisa Mendonça, indicando que as comissões nacionais das línguas e o IILP estarão à frente do processo e apoiarão naquilo que for preciso, sem interferir nos assuntos nacionais dos Estados.

Em relação à reunião do Conselho Científico do IILP, a responsável referiu que estão a ser discutidos vários assuntos, como a nova visão para a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), a missão e vida do instituto e as suas realizações, como o plano de atividades e orçamento para 2016.

As comissões nacionais dos nove Estados-membros da CPLP estão ainda a preparar a para a Abertura que temos sobre isso] 3.ª Conferência Internacional sobre o português no Sistema Mundial, que deverá acontecer em maio do próximo ano em Timor-Leste, país que assume neste momento a presidência rotativa da CPLP.

A reunião do Conselho Científico do IILP conta, pela primeira vez, com um representante da Guiné Equatorial, que aderiu plenamente à CPLP em julho do ano passado, o embaixador residente em Lisboa.

«Isto torna a missão da Guiné Equatorial muito mais forte», salientou Marisa Mendonça, informando que quarta-feira o país vai fazer uma apresentação do relatório sobre o estágio de desenvolvimento das suas atividades e implementação da língua portuguesa no país.

Quanto ao financiamento do organismo, Marisa Mendonça disse que o IILP vive «num sufoco financeiro bastante grande», uma vez que os países nem sempre estão em condições de pagar as suas quotas a tempo.

Sem revelar os valores da dívida, a responsável disse que as reuniões dos conselhos científicos são momentos para criar novas sensibilizações aos representantes dos Estados da CPLP e que a situação se vai reverter «rapidamente».

A CPLP é composta por Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

A Guiné-Bissau foi o único país ausente da reunião que termina na quarta-feira [27/05/2015].

* notícia da agência de notícias portuguesa Lusa :: 27/05/2015

Enviar:

Acordo Ortográfico

Questões relativas ao Acordo Ortográfico.

Sobre o que (não) trata o Acordo Ortográfico
Quatro vozes a favor do Acordo Ortográfico
Marisa Mendonça, diretora-executiva do IILP
«Acordo ortográfico não está em causa em nenhum país da CPLP»
Os apátridas da língua que nos governam
De Acordo?
Acordo Ortográfico com prós e contras
Afinal, quando termina o período de transição?
Adversários do Acordo Ortográfico
reclamam referendo
Angola quer melhorias no Acordo Ortográfico
e garante também o seu vocabulário nacional
Amnésia ou ignorância?

Temas

Controvérsias

Notícias

Vídeos



Autores

A.P.C.

Academia Brasileira de Letras

Adelino Gomes

Adriano Moreira

Alexandra Carita

Alexandra Prado Coelho

Alexandre Gonçalves

Ana Dias Cordeiro

Ana Martins

Ana Paula Tavares

António Emiliano

António Fernando Nabais

António Guerreiro

Arlete Fonseca

Arnaldo Niskier

Associação Brasileira de Editoras Universitárias

Baptista-Bastos

Bruno Nunes

Carlos Alberto Faraco

Carlos Enes

Carlos Reis

Catarina Homem Marques

César Avó

Ciberdúvidas da Língua Portuguesa

Ciberdúvidas/RDP-África

Clara Ferreira Alves

Courrier Internacional

Cristina Figueiredo

D'Silvas Filho

Daniel Oliveira

Dante Lucchesi

Deh Oliveira

Deonísio da Silva

Desidério Murcho

Direção editorial

D´Silvas Filho

Edite Estrela

Edite Prada

Evanildo Bechara

Evanildo Bechara

Fabiano Ormaneze

Fernando Belo

Fernando Cristóvão

Fernando dos Santos Neves

Fernando Guerra

Fernando Paulo Baptista

Fernando Venâncio

Ferreira Fernandes

Francisco José Viegas

Francisco Miguel Valada

Francisco Seixas da Costa

Gilvan Müller de Oliveira

Helena Soares

Helena Topa

Henrique Monteiro

Humberto Costa

Içara Bahia

Inês Pedrosa

Instituto de Linguística Teórica e Computacional (ILTEC)

Isabel Pires de Lima

J.M.C.

Jaime Pinsky

Joana Pereira Bastos

João Andrade Peres

João César das Neves

João Roque Dias

João Tiago Silveira **

Jonuel Gonçalves

Jorge Candeias

José António Pinto Ribeiro

José António Saraiva

José Cabrita Saraiva

José Eduardo Agualusa

José Gil

José Mário Costa

José Pacheco Pereira

José Pacheco Pereira

José Vítor Malheiros

Kathleen Gomes

Luís F. Lindley Cintra

Luís Miguel Queirós

Luís Miguel Viana

Luísa Alcântara e Silva

Lusa

M. Gaspar Martins

Manuel Carlos Chaparro

Manuel Villaverde Cabral

Margarida Davim

Margarita Correia

Maria Helena Mira Mateus

Maria Regina Rocha

Mário de Carvalho

Mário Vilalva

Marta Cerqueira

Melissa Lopes

Miguel Esteves Cardoso

Miguel Tamen

Nelly Carvalho

Nuno Amaral

Nuno Pacheco

Oscar Mascarenhas

Paulo Fridman

Paulo Jorge Assunção

Pedro Bacelar de Vasconcelos

Pedro Lomba

Pedro Mota Soares

Pedro Santana Lopes

Ricardo Garcia

Ricardo Pais

Rui Bebiano

Rui Ramos

Rui Tavares

Sérgio Almeida

Teotónio R. de Souza

Valdemar Cruz

Vanessa Rodrigues, em São Paulo, José Cabrita Saraiva e Vladimiro Nunes

Vários autores

Vasco Graça Moura

Vasco Pulido Valente

Vital Moreira

Vítor Santos Lindgaard


Mostra todos

Ciber Escola Ciber Cursos