ciberduvidas Ter dúvidas é saber. Não hesite em nos enviar as suas perguntas. Os nossos especialistas e consultores responder-lhe-ão o mais depressa possível.

[Pergunta | Resposta]

A sintaxe do verbo reembolsar

[Pergunta] Como podem ser construídas as frases com o verbo reembolsar? As seguintes construções são correctas?

a) «A loja reembolsou o valor do relógio à Cátia.»

b) «A loja reembolsou a Cátia pelo relógio.»

Intuitivamente, diria que a frase b) não é correcta. Parece-me que confunde a sintaxe do verbo reembolsar com a do verbo indemnizar, mas não tenho a certeza.

Haverá outras construções possíveis?

Obrigado pela ajuda.

 

João Martins :: Consultor de linguagem clara :: Lisboa, Portugal

[Resposta] São legítimas ambas as estruturas sintáticas:

a) «A loja reembolsou o valor do relógio à Cátia.»

Nesta estrutura, trata-se de um verbo transitivo direto e indireto, ou seja, requer um complemento direto (o valor reembolsado) e um complemento indireto (a pessoa a quem se reembolsa).

Contudo, o verbo reembolsar aceita também um complemento direto realizado por uma expressão nominal referente a pessoa1:

b) «A loja reembolsou a Cátia.»

Nesta estrutura, trata-se de um verbo transitivo direto, em que o seu complemento assume a forma acusativa: -me, -te, -o. Admite-se, portanto, a passiva correspondente: «O passageiro foi reembolsado pela companhia aérea.»

A frase b) pode ainda incluir um complemento oblíquo, referente ao valor reembolsado:

b') «A loja reembolsou a Cátia do valor do relógio.»

Uma terceira possibilidade é ocorrer na frase um modificador do grupo verbal, com valor causal, tal como acontece com o segundo exemplo apresentado na pergunta:

b'') «A loja reembolsou a Cátia pelo relógio.»

Nesta frase, «pelo relógio» significa «por causa do relógio».

1 O verbo reembolsar pode ter um complemento direto realizado por um nome referente a pessoa, como mostram os dicionários a que temos acesso. Exemplos:

(i) «O governo reembolsou os pequenos proprietários devido à seca» (dicionário da Academia das Ciências de Lisboa).

(ii) «O proprietário reembolsou o inquilino (das despesas extraordinárias)» (Dicionário Houaiss).

O Dicionário de Verbos e Regimes de Francisco Fernandes também regista o uso de reembolsar com as duas regências:

(iii) «Cumprira o dono as obrigações contraídas em seu nome, reembolsando ao gestor as despesas/o gestor das despesas.»

O mesmo autor observa ainda: «A respeito da dualidade de regência do verbo reembolsar, nesta acepção escreveu Rui Barbosa: "Tão regular, pois, é a construção `embolsar-lhe a quantia´ como `embolsá-lo da quantia´.

Sandra Duarte Tavares :: 29/04/2015

[Sintaxe]
"Vê-se-te"= uma incompatibildiade entre pronomes
Coordenadas introduzidas por «ora... ora» e «ou... ou»
A classificação das orações
da frase «Saber ler é vital para que cada um se torne um cidadão informado»
A sintaxe do verbo reembolsar
Consequentemente, advérbio conectivo
A regência do verbo combinar antes de infinitivo
«Se bem me lembro»: uma oração condiconal de enunciação
Se com sujeito composto («a chegada do palestrante e a saída do público»)
A regência de fome
O pronome o como predicativo do sujeito

Mostra todas

Ciber Escola Ciber Cursos