ciberduvidas Ter dúvidas é saber. Não hesite em nos enviar as suas perguntas. Os nossos especialistas e consultores responder-lhe-ão o mais depressa possível.

[Pergunta | Resposta]

Moral-espirituais

[Pergunta] Digam-me, por favor, qual a forma correta de escrever a junção dos adjetivos moral e espiritual na seguinte frase:

«Tendo em conta as condições tanto económicas como moral-espirituais (ou moralo-espirituais [=morais e espirituais]), há que oferecer caminhos concretos.»

Grato.

Rui Oliveira :: Redator/revisor :: Amora, Portugal

[Resposta] O caso em questão encontra alguma dificuldade, porque se trata de formar um adjetivo composto cujos constituintes estão coordenados. É que, geralmente, este tipo de compostos seleciona como primeiros elementos formas reduzidas ou alatinadas dos adjetivos, frequentemente terminadas em -o (ex., luso, franco, hispano, etc.), as quais são invariáveis. Acontece, porém, que a moral não corresponde nenhuma forma desse tipo (não se regista "moralo-"). Mesmo assim, tendo em conta exemplos como «(serviços) médico-cirúrgicos» (C. Cunha e L. Cintra, Nova Gramática do Português Contemporâneo, 1984, p. 253: «nos adjetivos compostos apenas o último elemento recebe a forma de plural»), proponho a forma moral-espiritual, cujo plural é moral-espirituais.

Carlos Rocha :: 11/05/2015

[Morfologia]
Mal como equivalente a «quando», «assim que», «depois de»
Moral-espirituais
Os numerais cardinais usados como numerais ordinais
«Qualquer coisa de complexo»
«Em um» = num
Lhos e lhas
(em português e no galego)
Quanto, como pronome relativo
A classificação de tudo na frase
«... para que serve tudo isto»
Pouco, quantificador existencial
Equestre e equina

Mostra todas

Ciber Escola Ciber Cursos